E-Commerce Fraud & Risk Assurance

Apoio a Emissores, Adquirentes, Comerciantes/ FinTechs, Marcas e Reguladores em Garantia de Risco.

A resposta é simples.

Os clientes em linha esperam encontrar o que querem e colocar suas mãos o mais rápido possível. Mas eles também esperam que a experiência on-line seja perfeita e sem estresse. Se eles tiverem muita fricção, é provável que abandonem sua cesta e levem seus negócios para outro lugar. Portanto, se você não estiver vendo altas taxas de conversão, é provável que você não esteja facilitando o suficiente para seu cliente comprar a mercadoria que ele quer.

icon-holder

1. Autenticação

Este é o processo de confronto da identidade de um cliente através de um fator de autenticação, como conhecimento, herança, propriedade e localização do usuário. Destes fatores, o conhecimento ainda é o mais comumente usado para autenticação de transações (como o uso de um PIN em transações presenciais tradicionais, ou um PIN único (OTP) para compras on-line ou configuração de contas. Entretanto, há muito mais métodos de autenticação que poderiam ser usados em ambos os ambientes.
icon-holder

2. Autorização

Esta é a confraternização de um pagamento sem dinheiro. Os comerciantes usam a autorização de pagamento para obter uma promessa de pagamento de um banco emissor do cartão. Esta promessa é buscada durante uma transação e normalmente ocorre após a autenticação ter ocorrido. Em última instância, resulta na decisão do emissor de aprovar a transação (caso em que a compra é bem sucedida), ou de recusá-la (caso em que a compra não é bem sucedida).

icon-holder

3. Gestão de fraudes

A fraude é definida como um engano ilícito ou criminoso, que se destina a resultar em ganho financeiro ou pessoal. Com qualquer pagamento, é um risco que precisa ser protegido, e práticas e sistemas sólidos de monitoramento de fraude e chargeback foram estabelecidos para proteger tanto sua empresa quanto seus clientes. Entretanto, a gestão de risco precisa ser definida no nível correto, para que você esteja protegido, mas não perca "bons" negócios.
icon-holder

4. Experiência do cliente

A experiência do cliente depende de todos os aspectos do processo de pagamento que funciona perfeitamente. Por exemplo, se a autenticação não ocorrer, é menos provável que a transação seja transmitida para ser autorizada, de modo que não há chance de uma aprovação. Além disso, se as verificações de fraude não forem equilibradas no nível correto, uma transação legítima pode ser desnecessariamente e excessivamente cautelosamente recusada. A fim de criar uma experiência positiva, você precisa otimizar seus processos para garantir que os clientes não acabem frustrados.

A equipe da GM Sectec apóia todo o ciclo de vida através:

  • Resposta rápida a incidentes e otimização dos controles de risco
  • Pesquisa de mercado e mesas redondas
  • Inteligência de ameaças de pagamento, AML, validação de remediação e auditorias de marca

Habilitação digital - Assessoria especializada

  • Excelência em Autenticação / 3DS2
  • Tokenization
  • Comércio Remoto Seguro ("Click to Pay")